Veja como Libertadores pode ter seis brasileiros nas quartas
Connect with us

Esportes

Veja como Libertadores pode ter seis brasileiros nas quartas

Publicado há

em

Apesar das derrotas de Flamengo e Athletico-PR na primeira partida das oitavas de final da Libertadores, não custa imaginar que a participação brasileira nas quartas de final da competição pode bater um recorde. Bastaria que todos ou pelo menos cinco dos seis times nacionais eliminassem seus adversários na semana que vem. Além dos dois citados, o Brasil conta com Palmeiras, Grêmio, Cruzeiro e Internacional na Libertadores.

O recorde, até o momento, veio em três oportunidades, quando quatro clubes brasileiros chegaram às quartas de final: nas edições de 2009 (Cruzeiro, Grêmio, Palmeiras e São Paulo), 2010 (Cruzeiro, Flamengo, Internacional e São Paulo) e 2012 (Corinthians, Fluminense, Santos e Vasco).

Para que o Brasil avance com seis clubes às quartas de final vai ser preciso um malabarismo de resultados. Notadamente para Flamengo e Athletico-PR. O Rubro-Negro carioca precisa vencer o Emelec, no Rio, por três gols de diferença ou mais – fora de casa, no Equador, perdeu por 2 a 0. Se o time levar um gol, vai ter de fazer quatro para seguir no torneio.

Notícia Relacionada:
Circuito ciclístico na Orla do Guaíba acontece neste sábado

Já a equipe paranaense terá que se recuperar do 1 a 0 sofrido na Arena da Baixada, para o Boca Juniors. A partida será realizada no ‘caldeirão’ conhecido como La Bombonera, em Buenos Aires, e o Athletico se classificará se vencer por dois gols de diferença. A disputa irá para os pênaltis se a vitória do time brasileiro for por um gol de diferença.

A tarefa, a princípio menos tensa, pode caber à dupla gaúcha. O Inter venceu o Nacional por 1 a 0, no Uruguai, e pode administrar o jogo no Beira-Rio, onde o empate lhe servirá. Por sua vez, o Grêmio, passou em casa pelo Libertad, do Paraguai, ganhou por 2 a 0, e deve viajar mais tranquilo para o pais vizinho. Estará nas quartas até se for derrotado por um gol de diferença.

Notícia Relacionada:
O Internacional empatou sem gols com o Santos no Beira-Rio, na estreia do técnico Ricardo Cobalchini

A situação do Palmeiras também ficou bem melhor, quando o time reagiu e buscou o empate por 2 a 2 com o Godoy Cruz, na Argentina. No Allianz Parque, pode até se classificar com empates por 0 a 0 e 1 a 1. O gol fora de casa segue como critério de desempate no torneio da Conmebol.

A missão do Cruzeiro é difícil, mas é mais complicada ainda para o River Plate. Na Argentina, empataram sem gols. Quem vencer no Mineirão, fica com a vaga. Se houver novo empate por 0 a 0, a decisão vai para os pênaltis. Agora, se o jogo terminar 1 a 1, 2 a 2, 3 a 3, ou seja, em empate com gols, o River volta para casa comemorando.

Confira os jogos envolvendo clubes brasileiros pelas quartas de final da Libertadores:

Notícia Relacionada:
Ronaldinho Gaúcho diz por quem torcerá na semi da Libertadores

Terça – Cruzeiro x River Plate, às 19h15, no Mineirão;
Terça – Palmeiras x Godoy Cruz, às 21h30, no Allianz Parque;
Quarta – Inter x Nacional, às 19h15, no Beira-Rio;
Quarta – Flamengo x Emelec, às 21h30, no Maracanã;
Quarta – Boca Juniors x Athletico-PR, às 21h30, La Bombonera (Buenos Aires);
Quinta – Libertad x Grêmio,  às 21h30, no Defensores Del Chaco (Assunção).

Fonte: Silvio Barsetti / Terra

loading...
Patrocínio