Sartori define estratégia para o segundo turno
Connect with us

Política

Sartori define estratégia para o segundo turno

Publicado há

em

O governador José Ivo Sartori poderá se dirigir ao litoral gaúcho entre o feriado e sábado para fazer campanha e aproveitar o grande número de pessoas que estará nas praias durante o final de semana prolongado. A possibilidade, no entanto, ainda é estudada, já que, a princípio, os dois dias estariam designados para a gravação de programas de televisão. Até lá, o atual chefe do executivo se concentra em entrevistas a veículos de comunicação e, na próxima semana, deve partir em viagens para o interior do Estado.

Depois do anúncio de segunda-feira de apoio do MDB-RS ao candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, a campanha de Sartori acredita que está fortalecida. Na visão do coordenador-geral Idenir Cecchim, o programa de governo do capitão da reserva coincide com o do atual chefe do Piratini em pontos como os discursos contra a corrupção e a violência, e a favor dos valores da família. “Tivemos um saldo positivo nas declarações. Somou à nossa campanha, não só pela declaração de apoio ao Bolsonaro. Estamos recebendo apoio pelo Sartori”, disse Cecchim. Revelou que, além de Mateus Bandeira, que concorreu a governador pelo Novo e já oficializou apoio ao candidato do MDB, outros postulantes ao Executivo estadual já sinalizaram que também apoiarão a reeleição.




Sem uma candidatura de esquerda na briga pelo segundo turno, a campanha de José Ivo Sartori deve adquirir a tônica de que não há sentido em eleger um outro candidato que dará continuidade ao atual governo, já que, na avaliação dos emedebistas, o adversário Eduardo Leite (PSDB) tem propostas muito semelhantes às do atual governador. “É uma cópia do que o governador está propondo”, afirmou Cecchim, ao citar que diversos integrantes da chapa do tucano faziam parte do governo Sartori.

Notícia Relacionada:
Bolsonaro sanciona lei e agressores de mulheres terão que reembolsar SUS

Durante esta terça, o governador esteve em agenda interna, a maior parte do tempo em Porto Alegre, mas também em Caxias do Sul. Para quarta, entre suas atividades, estão entrevistas a diversos veículos de comunicação do Estado. (Henrique Massaro | Correio do Povo)



loading...
Patrocínio