Reunião discute ações de segurança para a Copa América na Capital
Connect with us

Notícias

Reunião discute ações de segurança para a Copa América na Capital

O planejamento está bem avançado e estamos olhando com muito cuidado para que a Copa América seja um grande evento

Publicado há

em

Foto: SEL/Divulgação

Segurança foi a tônica da primeira reunião realizada com a presença de todos os órgãos federais, estaduais e municipais que atuarão durante o período de jogos da Copa América de futebol em Porto Alegre, em junho e julho.

O encontro ocorreu na tarde desta quinta-feira (28), no Centro Integrado de Comando e Controle da Secretaria da Segurança Pública. Durante cerca de duas horas, os participantes falaram sobre as ações que estão sendo planejadas para receber a competição que atrairá torcedores e turistas inclusive de outros países – Uruguai, Argentina, Venezuela, Peru, Japão e Catar jogarão na fase de grupos em Porto Alegre. Serão cinco partidas, de 15 de junho a 3 de julho, todas na Arena do Grêmio.

O secretário do Esporte e Lazer, João Derly, representante do governo do Estado na Conmebol, responsável pela organização da competição, destacou a importância da reunião. “Foi muito salutar observar que todos já estão organizados para receber a Copa América e contam com a expertise dos jogos que Inter e Grêmio disputam pela Libertadores e também com o legado deixado pela realização da Copa do Mundo em 2014”, afirmou.

Notícia Relacionada:
Bairro Sarandi recebe 4ª revitalização do novo contrato de praças

O secretário adjunto da Segurança Pública, coronel Marcelo Gomes Frota, observou que a pasta vem trabalhando na Copa América como em todas as atividades nas quais está envolvida. “Colocamos o interesse público sempre em primeiro lugar e trazemos todos os atores para trabalhar a Segurança Pública como um todo, na esfera municipal, estadual e federal. A integração é fundamental”, disse. “O planejamento está bem avançado e estamos olhando com muito cuidado para que a Copa América seja um grande evento”, completou.

O delegado de polícia Leonel Carivali, coordenador de planejamento operacional do evento na capital, também avaliou o encontro como positivo. “O importante é que todos os parceiros, municipais, estaduais e federais, já estão com seus planejamentos em andamento, e esta reunião teve o objetivo de apresentar estas ações e buscar maior sintonia”, disse.

Notícia Relacionada:
Prefeitura firma maior contrato de manutenção de praças e parques

Jogo do Grêmio será teste

Neste primeiro encontro de todos os órgãos, diferentes aspectos da segurança pública foram abordados, desde o ingresso de torcedores nas fronteiras até os espaços turísticos em Porto Alegre que possam reunir milhares de pessoas. Foi observado que um evento deste porte tende a modificar a dinâmica da cidade, mas, em especial, da comunidade no entorno da Arena, sede das cinco partidas, o que também merecerá atenção. Além da segurança, os participantes falaram sobre as ações que precisam ser implementadas nas áreas de mobilidade urbana, turismo e saúde.

Na reunião foi planejado um seminário envolvendo todos os participantes, que será no início de maio, antes do jogo entre Grêmio e Universidad Católica, do Chile, pela Copa Libertadores da América, marcado para o dia 8. O objetivo deste evento é buscar um melhor alinhamento das ações e processos que estão sendo planejados entre os diferentes órgãos e colocá-los em prática na partida do tricolor. “Este jogo da Libertadores será um ensaio”, observou o delegado Carivali. “Teremos o seminário, o jogo e, na sequência, faremos uma análise a fim de realizar o ajuste fino necessário”, completou.

Notícia Relacionada:
A partir de agora quem se recusar a fazer o bafômetro será autuado e pode ser multado

Além de representantes da Secretaria da Segurança e de algumas de suas vinculadas (Brigada Militar, Polícia Civil, Instituto-Geral de Perícias e Corpo de Bombeiros Militar), participaram do encontro representantes da prefeitura de Porto Alegre, Polícia Federal, Abin (Agência Brasileira de Inteligência), Ministério Público Estadual, Juizado do Torcedor e Defesa Civil, entre outros.

Patrocínio