Polícia Civil prende traficantes em flagrante em desarticulação de centro de armazenamento e distribuição de drogas em Canoas – Porto Alegre 24 Horas
Connect with us

Polícia

Polícia Civil prende traficantes em flagrante em desarticulação de centro de armazenamento e distribuição de drogas em Canoas

Uma parte da droga, inclusive, já estava fracionada para a comercialização.

Publicado há

em

Polícia Civil

A Polícia Civil deflagrou nesta quarta-feira (11) a Operação Diamante Negro em Canoas. Após dois meses de investigações na cidade, o setor de inteligência descobriu  a identificação de um indivíduo que seria o responsável por armazenar drogas para uma facção criminosa na cidade. O responsável pela carga é um homem de iniciais C.L.P.O.,  55 anos, que foi preso pelo crime de tráfico de drogas. Na residência do investigado, os policiais encontraram grande quantia de drogas, totalizando 81.330kg de maconha. Uma parte da droga, inclusive, já estava fracionada para a comercialização.

Segundo as informações levantadas pelo setor de investigação, as drogas seriam distribuídas para a venda em toda a Região Metropolitana e renderiam um lucro de aproximadamente de R$250 mil para a facção criminosa.

Leia:
Adolescente invade escola e atira em alunos em MG

A operação leva o nome de Diamante Negro em virtude da alta qualidade da droga, que provavelmente possui um considerável índice de concentração do princípio ativo da maconha, o THC. Além disso, os tijolos de maconha apreendidos levavam um “selo de qualidade”, com um desenho de um diamante.

O diretor da 2ª Delegacia Regional Metropolitana, Delegado Mario Souza, destaca que “essa quantidade considerável de drogas apreendidas é de suma importância para o enfraquecimento da atuação das facções no município de Canoas”.

Patrocínio