Mortes no trânsito caem 7,6% no RS em 2018 – Porto Alegre 24 Horas
Connect with us

Trânsito

Mortes no trânsito caem 7,6% no RS em 2018

Publicado há

em

O Rio Grande do Sul registrou, no ano de 2018, uma queda de 7,6% no número de óbitos em decorrência do trânsito. Foram contabilizadas 1.612 mortes, contra as 1.745 do ano anterior. As rodovias respondem por 64% das ocorrências, seguidas das vias municipais, com 36%. O fechamento da acidentalidade fatal de 2018 foi realizado pelo DetranRS após a contabilização dos 30 dias da ocorrência dos acidentes de dezembro, incluindo feridos que vieram a óbito no período.

Gráfico mostrando a redução da acidentalidade com morte de 2010 a 2018
RS registrou queda no número de mortes no trânsito em 2018

Com relação às vítimas, a faixa entre 21 e 29 anos foi a mais atingida, com 20% do total de mortes. Também é possível separar por participação: 29% eram condutores, 24% motociclistas e 20% pedestres.

 

 

[in_article]

A Autarquia atribui a redução da acidentalidade, em parte, ao esforço que vem sendo feito no Estado dentro da Década de Ação pela Segurança no Trânsito. Dentre as iniciativas que contribuíram para essa redução no Estado, estão operações de fiscalização como Balada Segura e Viagem Segura, e ações de educação para o trânsito.

Década de Ação pela Segurança no Trânsito

Ainda no que se refere a índices, o Estado tem conseguido, desde 2015, superar o índice de redução proposto pela Década de Ação pela Segurança no Trânsito (2011-2020), da OMS/ONU, da qual o Brasil é signatário. A iniciativa tem como foco a redução em 2020 de 50% de vítimas fatais, a partir de uma projeção linear feita com base nos dados dos anos anteriores. Segundo esse cálculo, em 2018 estariam previstos 3.017 óbitos, e o objetivo seria a redução para 1.702. O RS conseguiu fechar o ano com resultado ainda melhor: 1.612.

“Não podemos comemorar porque ainda estamos falando da perda de vidas. Porém podemos vislumbrar o resultado do nosso trabalho e de toda a sociedade na construção de um trânsito mais seguro”, afirma o Diretor-Geral do DetranRS, Paulo Roberto Kopschina.

Gráfico mostra a evolução do RS em direção a meta da Década de Ação pela Segurança no Trânsito
Estado tem conseguido, desde 2015, superar o índice de redução proposto pela Década

Sobre a Década de Ação pela Segurança no Trânsito (2011-2020)

Lançada em maio de 2011, a Década de Ação pela Segurança no Trânsito 2011-2020 tem como objetivo a redução dos acidentes, que matam cerca de 1,3 milhão de pessoas por ano (segundo dados da ONU), sendo a nona causa de mortes em todo o mundo.

A OMS coordena os esforços e apoia iniciativas como a redução da alcoolemia ao volante, o uso de itens de segurança e a melhoria no atendimento de emergência.

Fonte: Detran

loading...
Patrocínio

Desenvolvido por: