Moro desiste de se explicar à Câmara sobre vazamento de conversas

Política

Moro desiste de se explicar à Câmara sobre vazamento de conversas

Audiência estava marcada para o dia 26, quarta-feira
Foto: Mauro Schaefer

Créditos da foto da notícia: Foto: Mauro Schaefer.

Durante a tarde deste domingo (23), o ministro da Justiça Sergio Moro adiantou que “achava difícil” comparecer à Comissão de Trabalho, da Câmara, na quarta-feira (26), em função de estar em viagem oficial aos Estados Unidos.

Logo após o primeiro vazamento da troca de mensagens, foi aprovado, no dia 12, o convite para falar sobre as conversas divulgadas pelo site The Intercept Brasil entre o então juiz e procuradores da Lava Jato. Por não ser uma convocação, Moro não é obrigado a comparecer. Mesmo assim, sua ida era dada como certa pelos parlamentares.
[in_article]
Como foi convidado com antecedência e, até então, não havim indícios de que ele não estaria presente, sua falta permitirá as mais variadas interpretações, ainda mais com as novas mensagens divulgadas nos últimos dias. O que deve ocorrer agora é que deputados devem apresentar um novo requerimento, mas desta vez convocando Moro para dar explicações. Neste caso, ele terá que estar presente.

Patrocínio
Patrocínio

Desenvolvido por: