Governo projeta um crescimento da economia em 2,3% para 2020

Política

Governo projeta um crescimento da economia em 2,3% para 2020

Ainda de acordo com o ministro das Relações Exteriores, o Brasil deve se integrar cada vez mais com as cadeias internacionais
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Cúpula do Mercosul teve mais um encontro de Chefes de Estado na quarta-feira em Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha. Estavam presentes os ministros de Relações Exteriores dos quatro países que compõem o bloco.

Nas palavras do ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo, “o Mercosul deixou de se tornar um freio para se tornar um acelerador”. De acordo com ele, em consonância com as reformas econômicas do governo, o Mercosul é essencial para que o país se abra para o mundo. Ele reforça que cada vez mais, deve-se integrar o Brasil com as cadeias internacionais, recuperando espaços perdidos na economia mundial.

“Estamos abrindo o Brasil ao mundo. Vamos aproveitar todo o potencial da economia brasileira, removendo os entraves ao comércio e as barreiras à concorrência, que limitam nosso potencial de crescimento”.

Durante o encontro dessa quarta-feira o ministro de Relações Exteriores defendeu a abertura econômica: “Realizamos rodadas de negociação com o Canadá, Coreia, Líbano, mantivemos diálogos com Vietnã, Indonésia, prosseguimos também os trabalhos com Cingapura. Tudo com o objetivo de avançar o quanto antes na conclusão de acordos ambiciosos de última geração”.

Conforme Ernesto Araújo, a expectativa do governo é de que a economia volte a crescer, e que tenha um crescimento de pelo menos 2,3% no próximo ano.

“O Brasil começa a viver pela primeira vez um ciclo de crescimento baseado na verdadeira economia de mercado, na competitividade, na liberdade econômica, sem inflação, com juros baixos. Ao redor do mundo, todos querem investir, todos querem negociar conosco”.

O sistema de saúde nas zonas de fronteira também dos um dos temas discutis no encontro. Um acordo de cooperação deve ser estudado para que a população que precise de atendimento médico de urgência nas fronteiras, possa ser atendida por ambos os países.

Nessa quinta-feira o presidente Jair Bolsonaro desembarca em solo gaúcho para o encontro da Cúpula. Uma reunião bilateral do Presidente Jair Bolsonaro com o presidente do Paraguai, Mario Abdo está prevista para acontecer. Há expectativas de que um acordo automotivo seja fechado entre os países. (Eduarda Oliveira | Band)

Patrocínio
Patrocínio

Desenvolvido por: