Dois homens são presos por violência doméstica em Canoas

Polícia

Dois homens são presos por violência doméstica em Canoas

Os dois casos aconteceram na sexta-feira (30)
Polícia Civil

A Polícia Civil, por meio da Deam de Canoas, em uma ação conjunta com a Brigada Militar, prendeu em flagrante um homem de 20 anos por violência doméstica. Ele agrediu a própria irmã com um ventilador. A vítima relatou que seu irmão agrediu-a na manhã de hoje, com um ventilador, além de proferir diversas ofensas à ela. Relatou, ainda, que o acusado é bastante agressivo.

Segundo a delgada Clarissa Demartini a ação faz parte da Operação Marias, ação permanente, que tem por objetivo a prisão cautelar de agressores acusados da prática de violência doméstica. ” O trabalho que vem sendo desempenhado pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Canoas  prioriza ações cautelares a fim de salvaguardar a vida da vítima. No ano de 2019 mais que o dobro de prisões foram realizadas, em comparação com o ano de 2018, sendo a grande maioria em flagrante” ressalta a delegada.

O Diretor da 2ªDPRM  Regional Canoas, Delegado Mario Souza, esclarece que o enfrentamento à violência contra a mulher é uma das prioridades da atual gestão. “O mês de agosto, marcado pela publicação da Lei Maria da Penha, terá diversas ações de combate e também de prevenção à violência doméstica e familiar contra a mulher”.

Mulher estaria dada como “morta” em Canoas

Na manhã desta sexta-feira (30) a Polícia Civil, o Deam de Canoas prendeu outro homem em flagrante por violência doméstica. Segundo a delegada Clarice Demartini , familiares da vítima procuraram a delegacia, pois não tinham contato com ela desde o final de semana. “No domingo a mulher esteve em seu local de trabalho e disse para seus colegas que caso ela não aparecesse em três dias era porque estaria morta. No dia de hoje uma vizinha relatou aos familiares que a vítima estava com o olho roxo após uma agressão sofrida. Realizadas diligências no endereço onde o casal mora, a vítima relatou que havia sido agredida e ameaçada. O acusado também estava no local e foi preso em flagrante.” afirma a delegada Clarissa.

Patrocínio
Patrocínio

Desenvolvido por: