Clube árabe faz proposta por Rodrigo Dourado
Connect with us

Esportes

Clube árabe faz proposta por Rodrigo Dourado

Publicado há

em

Créditos da foto da notícia: Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação / CP.

Oferta por volante do Inter foi de cerca de 6 milhões de euros




Por meio de um representante, o Al-Hilal, da Arábia Saudita, fez uma oferta para tirar Rodrigo Dourado do Inter. Os dirigentes colorados ouviram a oferta, agradeceram e disseram que o objetivo é manter o volante, considerado peço fundamental na engrenagem montada por Odair Hellmann em 2018. “No futebol, é difícil de dizer o que vai acontecer no futuro. Mas consideramos o Dourado fundamental e não temos interesse em negociá-lo agora”, afirmou o vice de futebol, Roberto Melo.

O dirigente não admite, mas se a oferta fosse para outro jogador, mesmo que titular, o Inter teria feito a negociação. Apesar de ter recebido mais de 50 milhões nas últimas semanas graças a uma série de negociações envolvendo jogadores que não estavam mais no clube, como Alisson, Fred, Anselmo e Valdívia, por exemplo, o clube ainda vive uma situação financeira bastante complicada.

Notícia Relacionada:
Inter mira Roger e Tiago Nunes para substituir Hellmann




Além disso, a proposta do Al-Hilal por Dourado foi de cerca de 6 milhões de euros, valor considerado aquém do esperado pelos colorados. Especula-se que o volante colorado, que completou 24 anos em junho, esteja em alguma das próximas convocações de Tite para a Seleção Brasileira. Se isso acontecer, ele ganhará uma valorização no mercado da Europa.




No final de 2016, quando o Inter já vivia uma situação muito complicada no Campeonato Brasileiro e estava prestes a ser rebaixado para a Série B, Dourado, que é cria da base colorada, foi procurado pelo então vice de futebol, Fernando Carvalho, para prorrogar o contrato. O atual vínculo vale até 31 de dezembro de 2020.

Notícia Relacionada:
Mais um técnico cai na Seria A do Brasileirão

Leandro Damião vive indefinição

Em contraste com o desembarque de Guerrero, Leandro Damião vive situação complicada. Afastado para recuperar-se de dores nas costas, ele não sabe quando ficará à disposição. Seu contrato com o Inter vale até dezembro. Seus representantes, há alguns meses, pediram 2 milhões de euros para renovar, abrindo caminho para a saída.

loading...
Patrocínio